Serve-se um olhar mundano e libertino. Serve-se uma arrogância sonhadora e juvenil. Serve-se uma ironia coerente e um humor valorativo. Serve-se tradição e modernidade. Serve-se na condição humana, Brinda-se com a casmurrice pessoal!

09
Nov 08

Porque gosto muito de dormir, e porque, posta a preguiça de lado a vida nos reserva muitas surpresas bem agradáveis, dignas dos nossos melhores sonhos, reti esta frase no dia de hoje, e deixei-a aqui pela estalagem em mais um início de semana:

 

"A verdade é que nunca me deito... Para quê perder tempo a sonhar se a vida real é muito melhor?"

 

Não dispenso os meus sonhos. Fazem parte de mim, da minha identidade pessoal, metamorfoseiam o que desejo e ambiciono, e reflectem os meus desejos mais recônditos que às vezes nem nós próprios conseguimos decifrar. Mas é reconfortante sonhar por sua vez que a realidade pode ser bem melhor que os nossos sonhos.

 

publicado por Casmurro às 22:50

A vida real é melhor do que os sonhos?
Depende da vida real que tens. Há vidas que são tão más que só se sobrevive sonhando. Há vidas que são tão boas que acaba por não ser necessário criar um refúgio de escape porque.. mais sonho menos sonho.. essas vidas acabam por corresponder àquilo que espera obter delas.
Não existem é vidas perfeitas... por isso um sonho ou dois não passará disso mesmo... de um sonho. Como dizes, faz parte da tua identidade pessoal... Só morre quando tu morreres... e tu só morres quando deixares de sonhar.
Bjocas doces**
Sete Vidas a 12 de Novembro de 2008 às 18:57

Sabes "Sete Vidas", gostei muito destas tuas palavras. =)

E concordo contigo. Há vidas onde os sonhos não acrescentam nada de muito novo (pois acho impossível por melhor que seja a realidade, não existir um único sonho, um objectivo maior, algo ainda não alcançado ou algo que acreditamos, que move a nossa vida), e há vidas onde os sonhos são fundamentais no equilíbrio diário de uma infelicidade constante.

A ideia que me tinha retido, e que tentei transmitir aqui neste meu espaço, é que por vezes é esse o passo que custa mais a dar, ou o único que falta: desacomodarmo-nos um pouco dos sonhos, e transformar o nosso quotidiano naquilo que "sonhamos". =)

Mas o sonho está sempre lá! É parte intrínseca ao existencialismo humano.

Bem-vinda a esta humilde estalagem! =) Espero encontrar-te por cá mais vezes ;) Passarei também para conhecer o teu "Mundo Gato".

Retribuo os beijitos**
Casmurro a 12 de Novembro de 2008 às 21:37

Para mim, pior que a pior vida real que se possa ter, é sonhar com algo melhor e depois acordar. O sentimento de perda é muito mais devastador do que o sentimento de nao ter.
Jo a 20 de Novembro de 2008 às 12:36

Claro. Concordo.

Por pior ou melhor que a vida real seja, se sonhamos alto, ou sonhamos secretamente com algo completamente antagónico ao que vivemos, o "acordar" será sempre um sentimento de vazio, de perda, de infelicidade inevitavelmente sempre mais devastadora do que a própria realidade.

*
Casmurro a 20 de Novembro de 2008 às 23:05

Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14
15

16
17
19
21
22

23
24
25
27
28
29

30


pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO